Cantor britânico ficou detido durante um mês pelo fato de dirigir drogado

Filed in

Cantor britânico ficou detido durante um mês pelo fato de dirigir drogado
The Grosby GroupThe Grosby Group
George Michael iniciou carreira solo em 1987

O cantor George Michael relatou sua experiência na prisão onde cumpriu uma pena de quatro semanas por ter batido seu carro contra uma loja de fotografia quando estava sob efeito de maconha e garantiu que mereceu a punição.
Em entrevista concedida ao programa da emissora britânica Radio 2, o ex-líder do grupo Wham! se disse envergonhado por ter infringido a lei em várias ocasiões e contou que, atualmente, se submete a tratamento para superar problemas com as drogas.
Michael indicou que devido ao seu vergonhoso comportamento - por ter infringido a lei repetidamente - sentia que tinha uma conta a ser paga e aceitou a sentença.
- Fui para a prisão e saldei minha dívida.
Perguntado sobre sua reação depois que um tribunal leu a sentença após declará-lo culpado da acusação de condução sob efeito de drogas e posse de dois cigarros de maconha, respondeu que, ao contrário do que as pessoas possam ter imaginado, a experiência não foi tão horrível.
- É muitíssimo mais fácil aceitar uma forma de castigo se você acha que realmente merece, e eu merecia.
Lembrou que sua prisão ocorreu por dois motivos: pelo fato de ser condenado pela segunda vez por um mesmo delito e também por ser quem era.
- Sou George Michael, o garoto propaganda da maconha.
No início, o artista, cujo nome real é Georgios Kyriacos, foi levado para a prisão londrina de Pentonville, no norte da cidade, onde recebeu cartas de outros artistas famosos como Elton John, Boy George e Paul McCartney.
Ao lembrar sua primeira noite atrás das grades, respondeu com ironia.
- Estamos falando de Pentonville, não de um fim de semana fora. O que eu pensava? Não senti pena de mim mesmo. Pensei: 'Meu Deus, este lugar é absolutamente indecente.
Quanto às publicações que garantiram que a estadia na prisão fez com que ele chorasse e o deixou totalmente desordenado, assegurou que eram tolices.
Michael saiu da prisão em 11 de outubro de 2010 após cumprir uma condenação de quatro semanas por ter dirigido sob o efeito de drogas quando bateu seu carro contra uma loja de fotografia em 4 de julho.
via R7

Posted by Paulo Studiow @ segunda-feira, 7 de março de 2011 0 comments

Share This Post

RSS Digg Twitter StumbleUpon Delicious Technorati

Related Posts

0 Comments

No comments yet. Be the first to leave a comment !
Leave a Comment

"O grande segredo para a plenitude é muito simples: compartilhar." --Sócrates

Música é vida!

Next Post Previous Post
Related Posts with Thumbnails