Guitarrista do Scorpions diz que grupo vem ao Brasil em setembro

scorpions-dakar5501

[TEXTO e FOTOS Danilo Lavieri, enviado especial do Abril.com / Em Santiago, no Chile Argentina *]

Durante o Rali Dakar, que acontece pela segunda vez na América Latina (Argentina e Chile), uma figura chamou a atenção de jornalistas e competidores no bivouac (área onde se concentram equipes e equipes de reportagens): o guitarrista Rudolf Schenker, membro fundador da lendária banda alemã Scorpions.

Convidado pela Volkswagen para promover o novo carro da empresa, Schenker faz a festa do pessoal no Dakar tocando guitarra e até dando uma de mecânico, como aconteceu quando prontamente se ofereceu para desatolar uma moto no meio do deserto.

scorpion1-dakar550

Para ir ao Dakar, Schenker tirou férias do processo de produção do novo disco do Scorpions, "Sting in the Tail", que deverá sair ainda este ano. Em entrevista ao Abril.com, o guitarrista comenta sua aventura pelo América do Sul e promete vir ao Brasil em setembro, trazendo a turnê "Get your Sting and Blackout Scorpions World Tour 2010". Confira:

Abril.com: Você vai ficar até quando por aqui?
Rudolf Schenker: Estamos no processo final de produção de um disco com cerca de 16 músicas novas e, infelizmente, preciso voltar para a Alemanha para lançá-lo. A experiência aqui no Rali Dakar está sendo incrível e estou me sentindo muito bem aqui. Amo velocidade, amo aventura. Na verdade, I LOVE TO ROCK!!

O que podemos esperar do lançamento?
Vai ser um CD diferente dos outros, mas, claro, não posso dar tantos detalhes. Acredito que no fim deste mês o mundo inteiro já poderá ouvir e tenho certeza que todos vão gostar da novidade.

O que você faz aqui no Dakar?
Eu estou aqui para aproveitar as férias, conhecer o Dakar, claro. Mas, também, para lançar o meu livro: "Rock your life". Além disso, também aproveito para testar o novo lançamento da Volkswagen, o Amarok (pick-up que foi lançada aqui no Rali Dakar, no dia 1, na Argentina, e deve demorar um pouco para chegar ao Brasil). E eu dirijo uma aqui. Inclusive, Amarok significa 'loves to rock'.

É uma autobiografia?
Meu livro fala um pouco da minha vida e obviamente fala também do Scorpions. Afinal, é difícil separar uma coisa da outra.

E o que você acha do público brasileiro?
Eu gosto bastante do público brasileiro. Já fiz shows lá e até gravei CD no Brasil [o DVD "Amazônia", gravado em Manaus e Recife, com renda revertida para o Greenpeace]. O público é impressionante, passa uma emoção diferente. Eles se envolvem bastante com o show.

Sendo assim, podemos esperar um show em breve, certo?
Sim, claro que sim! Provavelmente, no fim de setembro estaremos lá. E vai ser incrível, tenho certeza. Antes de lá, passaremos também por vários países da América do Sul.

via abril

Posted by Paulo Studio2002 @ quinta-feira, 14 de janeiro de 2010 0 comments

Share This Post

RSS Digg Twitter StumbleUpon Delicious Technorati

Related Posts

0 Comments

No comments yet. Be the first to leave a comment !
Leave a Comment

"O grande segredo para a plenitude é muito simples: compartilhar." --Sócrates

Música é vida!

Next Post Previous Post
Related Posts with Thumbnails