Vampire Weekend põe rock independente no topo da parada americana

Quarteto de Nova York lidera a parada americana com seu segundo álbum, Contra

Do R7
DivulgaçãoFoto por Divulgação
Natural de Nova York, o Vampire Weeked faz uma mistura de rock, música pop e sonoridades africanas, com fortes influências do som feito por Paul Simon nos álbuns Graceland e The Rhythm Of The Saints, e do grupo Talking Heads

Quem olhar a parada desta semana da Billboard, a bíblia da indústria fonográfica mundial, vai tomar um susto. O disco mais vendido pertence a uma banda de rock independente. Trata-se do Vampire Weekend, com seu segundo CD, Contra.

O quarteto de Nova York vendeu 124 mil cópias na semana do lançamento de Contra, o que lhe garantiu o topo da parada americana. Na segunda colocação, o fenômeno Susan Boyle, cujo I Dreamed a Dream vendeu 77 mil cópias no mesmo período.

A façanha é bem significativa. Vampire Weekend, o disco de estreia do grupo, saiu em 2008, e vendeu na primeira semana 28 mil cópias. Sua posição mais alta foi a de número 17, e o álbum vendeu, até hoje, 498 mil cópias no mercado americano. Ou seja, em apenas uma semana, Contra vendeu por volta de 25% do que seu disco de estreia conseguiu em dois longos anos.

O Vampire Weekend é formado por Ezra Koenig (vocal e guitarra), Rostam Batmanglij (teclados, guitarra e vocal), Chris Baio (baixo) e  Chris Tomson (bateria). Sua sonoridade mistura rock e elementos de pop e música africana, e tem fortíssimas influências do trabalho de Paul Simon em sua fase Graceland/Rhythm Of The Saints.

Posted by Paulo Studiow @ quinta-feira, 21 de janeiro de 2010 0 comments

Share This Post

RSS Digg Twitter StumbleUpon Delicious Technorati

Related Posts

0 Comments

No comments yet. Be the first to leave a comment !
Leave a Comment

"O grande segredo para a plenitude é muito simples: compartilhar." --Sócrates

Música é vida!

Next Post Previous Post
Related Posts with Thumbnails